21.2.07

Um aviso e um desafio

Assistimos no passado dia 11 à vitória das forças anti-nacionais. Finalmente, abriu-se a caixa de pandora. Tudo o que é abjecto e dejecto vai-nos cair em cima. Vamos ter, provavelmente, a regionalização, a despenalização das drogas, o "casamento" e o “divórcio” homossexuais, a adopção de crianças por "casais" homossexuais e sei lá que mais. É o tempo de dissolução! É o Kali Yuga!
Estamos à beirinha do precipício, onde vamos cair mais cedo do que se pensa, face ao caminho - que despreocupada e alegremente! - estamos a percorrer e que poderá levar ao suicídio colectivo de um povo, de uma raça, de uma cultura.
As sociedades europeia e portuguesa estão feridas de morte, devido à indiferença, à apatia, à resignação, ao abdicar de princípios imutáveis e eternos que dela fizeram a sua grandeza.
Face a esta triste e desoladora realidade há que erguer barreiras e cerrar fileiras em defesa do que ainda resta e lutar até ao fim do nosso fim.
Sabemos que o Inimigo é poderoso: tem as suas hordas manipuladas e (co)mandadas para cumprirem o seu papel e que são, naturalmente, os (des)governos, os partidos, todas as organizações antinacionais, os orgãos de (des)informação/intoxicação que ao abrigo do politicamente correcto fazem o seu trabalho de demolição e de destruição nos planos físico, mental e espiritual.
Face a isto, temos a dizer ao Inimigo que estamos preparados para combater todas as batalhas políticas que se aproximam.
Estamos preparados para as travar mesmo sabendo que estas batalhas políticas serão perdidas quer pelo Número quer pelo Tempo como perdida militarmente foi a batalha da Segunda Guerra Mundial. Ainda assim, continuaremos o combate porque sabemos que estas vitórias do Inimigo no plano físico e terreno são vitórias de Pirro. Quanto mais perto estiverem de vencer e de criarem a Nova Ordem Mundial/Ditadura Mundial, mais rápida será a nossa resposta vitoriosa. Assim, venceremos a Guerra Sagrada! É o regresso do Último Batalhão e do seu chefe, Kalki!
A nossa esperança e a nossa certeza está na batalha metafísica, e aí sabemos - como vocês sabem - que a vitória será nossa!
Mais uma vez, a História cumprir-se-à e lei do Eterno Retorno também.

P.S. - Para aqueles que acham que o que acabo de escrever é um delírio, remeto-vos para dois exemplos: Covadonga e a saga "O Senhor dos Anéis" de J. R. R. Tolkien. A Covadonga é a história da resistência face ao inimigo semita e reconquista territorial. "O Senhor dos Anéis" é a história de um punhado de resistentes que consegue vencer as tropas multitudinárias de Mordor quando tudo fazia crer numa derrota face ao poder do inimigo quer em número quer em material.
Infelizmente e felizmente é o que irá acontecer dentro de poucos anos, porque a História repete-se. Então, entraremos numa nova era, numa nova idade.
Até lá, só nos resta resistir no meio das ruínas e combater porque temos de honrar os nossos antepassados, pois a nossa Honra chama-se Fidelidade!

6 comentários:

Vitório Rosário Cardoso disse...

Bem que o VL, me avisou que era imprescindível ver o Senhor dos Anéis, e que por mea culpa ainda não tive o privilégio de o visionar.
Como e bem tem dito, isto acabou de estourar, a partir de agora o caos não terá fim. Temos de estar muito atentos aos sinais emanados pelos ocs, pois numa revista do tipo de casa de banho, já aparece uma actriz ou modelo a defender a eutanásia, e o Público a anunciar as próximas intenções da Juventude Socialista. Estejamos atentos.
Como em "Iwo Jima", "Se por mais um dia os nossos filhos puderem viver em segurança, valerá a pena defender esta ilha por mais um dia"
"Pela nossa Pátria ... até ao último homem".
Por mim, digo Presente! para os combates que se avizinham.
Portugal é terreno sagrado!

Pedro Botelho disse...

«É o tempo de dissolução! É o Kali Yuga!»

Bem, como são 432.000 anos e ainda só passaram 5.000 desde a morte do Krishna, o melhor é prepararem-se para uma longa hibernação. Que tal um exílio subterrâneo junto da malta porreira do Vril? :)

viriato disse...

Camarada Nonas

O teu pessimismo é verdadeiro.

Vamos lutar contra a Contra-Cultura dominante!

Saudações Nacionalistas!

HNO disse...

Semper Fidelis
Meu caro Camarada

Thoth disse...

Já estou aqui no céu a preparar as armas, e que armas!

Cumprimentos

Anónimo disse...

Bom texto camarada.
Está chegada a altura do supra-umbigo...