7.2.07

Se o ridículo matasse

O justíssimo vencedor d`O Pior Português de Sempre

No blog da “Revista Atlântico” de Domingo passado, dia 4 de Fevereiro, saiu esta nota com o título "Se o ridículo matasse".
"Duas notícias merecem destaque este fim de semana. A primeira veio no "Inimigo Público" de sábado e dá conta que depois da "vitória" estrondosa de Mário Soares como "O Pior Português de sempre", um concurso promovido pelo próprio IP e pelo programa da SIC "O Eixo do Mal", os organizadores preferiram começar tudo de novo - ou seja, o pior português será agora escolhido não se sabe muito bem como entre os mais votados pelo público. Uma solução que demonstra pelo menos alguma falta de humor: desse modo não será certamente escolhido Mário Soares. Já a segunda notícia tem a ver com o concurso original "Os Grandes Portugueses", da RTP, em que Soares não ficou qualificado. Ora - e julgo que li a notícia no "Expresso" - perante a "ameaça" de Salazar poder ganhar, a Fundação Mário Soares irá antecipar a publicação de um livro onde se descrevem todas as atrocidades e malfeitorias do antigo regime. O ridículo está no motivo desta antecipação: evitar o escândalo - para eles - que seria a vitória de Salazar num mero concurso de televisão."

Nota: As notícia e foto foram pilhadas
, às Portas do Cerco.

1 comentário:

EURO-ULTRAMARINO disse...

Em outras épocas, quando existia vergonha na cara, a um "descolonizador exemplar" deste
deste calibre já teria sido aplicado um correctivo à medida da tragédia humana pela qual foi responsável. Mas estamos a anos-luz destas épocas...